Prefeitura realiza 1ª Conferência de Políticas para as Mulheres

Itaguaí foi palco na terça-feira (23/9) da 1ª Conferência Municipal de Políticas para Mulheres do Município, que aconteceu na Câmara de Vereadores. O evento contou com apoio do prefeito Weslei Pereira e teve a coordenação da Secretaria de Assistência Social. Participaram do encontro autoridades da cidade e membros da sociedade civil organizada, o slogan da conferência foi “Mais Direitos, Participação e Poder para as Mulheres”.

 

A Conferência de Políticas para Mulheres foi dividida em quatro eixos, com destaque para o conselho da mulher, políticas públicas, sistema político e igualdade e sistema nacional de políticas para as mulheres. O objetivo da conferência é que ela se torne um instrumento capaz de consolidar e avançar na efetivação de políticas públicas para as mulheres de forma participativa.

 

Segundo o secretário de Assistência Social, Aramis Brito, a conferência vai ocupar um papel pioneiro na busca pela igualdade.

 

– É um trabalho que culmina com o esforço e a dedicação de muitas pessoas capacitadas para tratar do assunto, além de ser um direito das mulheres – disse, argumentando que após a conferência, o próximo passo é a criação de um fórum que vai tratar dos interesses das mulheres, buscando a criação do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.

 

Para a presidente da Comissão Organizadora do evento, Maria da Penha Rodrigues, a proposta é buscar a democratização da gestão e a qualificação das políticas na perspectiva de igualdade de gênero e consolidação de direitos das mulheres.

 

A assistente Social, Nádia Sousa fez uma ampla explanação sobre os programas sociais implantados no município e citou os seis CRAS´s (Centro de Referência de Assistência Social) que atende à população.

 

– Hoje, estamos nos esforçando para oferecer o melhor aos moradores ao buscar capacitação e ampliar a qualidade dos serviços sociais – assinalou Nádia.

 

Autoridades que participaram do evento: Zélia Maria Correia, subsecretária de Educação; Antônio Lima, Comissão Nacional de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania; Andréia Kicumo, coordenadora dos Profissionais de Psicologia do Município; Elza Serra, conselheira Estadual dos Direitos da Mulher; Darcy da Penha Pereira, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Seropédica; Maria José Sales, representante da OAB (Ordem dos Advogados) de Seropédica; e Dilcea Quintela, Conselheira do CEDIM (Conselho Estadual dos Direitos da Mulher-RJ), entre outros.

 

http://www.itaguai.rj.gov.br/noticia/295/conferencia-ressalta-direitos-das-mulheres-em-itaguai.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *